Bálsamo agora possui Casa Lar para atender crianças em estado de vulnerabilidade

Da Assessoria

Corrêa Netto

O prefeito de Bálsamo, Du Lourenço, assinou um contrato de parceria junto ao prefeito de Mirassolândia João Carlos Fernandes, o Nenzão e garantiu atendimento para toda criança balsamense que vive em estado de vulnerabilidade social. A partir de agora essas crianças terão onde ser abrigadas.

Segundo o prefeito Du Lourenço o número de atendidos oscila de acordo com a demanda e até o dia 8 de junho a cidade não contava com esse beneficio que desde 2014 enfrentava um inquérito civil para que Bálsamo cumprisse com esse dever.

O advogado Ueider da Silva Monteiro acompanhou o prefeito e explicou que a cidade associou o cumprimento de um dever legal com o aspecto da economicidade que devem imperar na administração pública e assim Bálsamo formalizou convênio com o município de Mirassolândia permitindo-lhe desfrutar de tal acolhimento institucional.

“O que não foi feito desde 2014 a atual administração conseguiu levar afeito com menos de 6 meses”, contou o advogado. Para que isso fosse possível, foi necessário criar um projeto de lei, com a participação de Assistente Social e Psicóloga do Fórum de Mirassol instituindo a Casa Lar, onde a Câmara de Bálsamo votou unanimemente favorável. Após isso foram feitas diversas reuniões com a prefeitura de Mirassolândia, até que o convênio foi definitivamente assinado pelos prefeitos de ambas as cidades.

A lei municipal prevê um gasto de até R$ 120 mil por ano, porém, o prefeito garantiu que a cidade investirá metade disso, ou seja, R$ 5 mil mensais. “ Quase ninguém se preocupa com a vulnerabilidade das crianças, as vezes porque isso não da manchete em jornais, isso não da ibope”, ressaltou o prefeito Du.

Desde que assumiu a administração da cidade, Du mantém um compromisso, mostrando o seu desdobramento quando o assunto envolve crianças e idosos.

Palavras-chave

Comentários