Frota municipal cresce e prefeitura contrata apólice de seguro 59,85% mais barato que no ano passado

Da Assessoria

Corrêa Netto

3 empresas das mais diferentes partes da região participaram no dia 24 de outubro do processo licitatório, modelo pregão presencial, transmitido ao vivo pela fanpage da prefeitura de Bálsamo onde foram cotados e contratados apólices de seguro para a frota municipal da prefeitura.

Foi assim com o pãozinho no início do ano, com a merenda escolar, com aquisição de medicamentos, com a aquisição de combustíveis, com a contratação de produtos e serviços, enfim, tudo o que a prefeitura adquiriu nos últimos 10 meses foi mais barato em média de até 50%, ou seja, a economia conquistada pelo atual modelo austero de investir em produtos ou serviços pelo prefeito Du Lourenço garantiu outros investimento com recursos próprios em diversos segmentos da municipalidade. “E a ordem é não diminuir atendimento e qualidade aos munícipes”, garante o prefeito.

Em 2016, em modelo de carta convite, a prefeitura adquiriu apólice de seguro para a frota municipal que contava com 33 veículos por R$ 32.614,48. Este ano a frota subiu para 36 veículos, pois o atual prefeito adquiriu através das economias, um ônibus, um carro utilitário para a saúde e um carro Corolla Toyota para atender o executivo. O mesmo serviço foi adquirido por R$ 13.094,00 que foi licitado em modelo de pregão presencial com uma diferença de quase R$ 20 mil de economia, ou seja, quase  60%.

        As empresas participantes do certame foram: Gente Seguradora, Porto Seguro e Mafre Seguradora, sendo que a Mafre foi a vencedora e prestará o serviço para o município durante 12 meses, quando a prefeitura fará outra coração para que a frota continue sendo segurada.

 Segundo o advogado da prefeitura Dr. Ueider da Silva Monteiro em conversa com o prefeito no início do ano, foi proposto que fizesse a modalidade de registro de preço, nunca adotada nos governos que antecederam Du Lourenço, nessa sistemática de aquisição, a prefeitura adquire produtos ou serviços de acordo com a sua efetiva necessidade.

Segundo adiantou o advogado ainda que, outro fator que contribui para a economia é que a partir das cotações, se define o valor de referência de forma que jamais ocorre contratação por valor superior ao já orçado.

Comentários