Imprimir Postagem
Servidores do Projeto Fiorilli são capacitados durante quarentena

O trabalho é realizado pelo SCFV, em parceria com o Fundo Social.

 

Da Assessoria.

 

Os servidores do Projeto Fiorilli estão passando por capacitação para fortalecerem seus currículos no que tange trabalhar com as crianças para fortalecer os vínculos familiares com ações educativas quando retornarem as atividades pós-pandemia.

O trabalho é realizado pelo Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV), através da coordenação da gestora Maria Paula Castro do Departamento de Assistência Social, em parceria com o Projeto Fiorilli, coordenado por Maria Conceição do Fundo Social.

As atividades têm acontecido semanalmente, na sede do projeto, sob a responsabilidade da professora Dra. Daniella Simões Benetti que é PhD em psicologia pela UFSCAR.

O SCFV vem complementar o trabalho social junto às famílias e tem como finalidade tratar as crianças para que os vínculos familiares e comunitários, por meio de intervenções sociais, sejam fortalecidos criando situações desafiadoras e estimulantes.

Com caráter preventivo o SCFV no Projeto Fiorilli tem como objetivo: prevenir situações de risco social; assegurar o direito a convivência familiar e comunitária; possibilitar acesso à cultura, esporte, lazer e manifestações artísticas; proporcionar trocas de experiências fortalecendo o respeito e a empatia, entre outros.

Comentários

Indique para um amigo

Use este formulário para indicar esta postagem para um amigo.

 Digite o texto no campo abaixo.

Mais notícias sobre Educação